Especial Redações Nota Mil da edição 2013 – #1: “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”

Início » Blog » Modelos de Redação » Especial Redações Nota Mil da edição 2013 – #1: “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”
Por: | 2017-08-17T08:44:07+00:00 19 de outubro de 2016|Modelos de Redação|

rsz_2013_lei-secaEm 2013, o tema da redação foi “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”. O INEP informou que, nesse ano, foram corrigidos 5.049.248 textos. Desses, 481 tiveram nota mil. Em branco, foram 32.991 e 73.751 foram anulados, somando um total de 106.742 redações com nota zero. O Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou a consulta ao espelho da redação da edição de 2013 para fins pedagógicos com comentários. Dessa forma, o aluno poderá se basear nos critérios de correção exigidos pelo INEP.

Redação de PAULO HENRIQUE CABAN STERN MATTA Escola privada de Rio de Janeiro – RJ

 

Sucesso absoluto

“Historicamente causadores de inúmeras vítimas, os acidentes de trânsito vêm ocorrendo com frequência cada vez menor, no Brasil . Essa redução se deve , principalmente , à implantação da Lei Seca ao longo de todo o território nacional , diminuindo a quantidade de motoristas que dirigem após terem ingerido bebida alcoólica. A maior fiscalização, aliada à imposição de rígidos limites e à conscientização da população, permitiu que tal alteração fosse possível . As estatísticas explicitam a queda brusca na ocorrência de óbitos decorrentes de acidentes de trânsito depois da entrada da Lei Seca em vigor. A proibição absoluta do consumo de álcool antes de se dirigir e a existência de diversos pontos de fiscalização espalhados pelo país tornaram menores as tentativas de burlar o sistema. Dessa forma , em vez de fugirem dos bafômetros e dos policiais, os motoristas deixam de beber e , com isso, mantêm-se aptos a dirigir sem que transgridam a lei . Outro aspecto de suma relevância para essa mudança foi a definição de limites extremamente baixos para o nível de álcool no sangue , próximos de zero. Isso fez com que acabasse a crença de que um copo não causa qualquer diferença nos reflexos e nas reações do indivíduo e que , portanto, não haveria problema em consumir doses pequenas. A capacidade de julgamento de cada pessoa , outrora usada como teste , passou a não mais sê-lo e , logo, todos têm que respeitar os mesmos índices independentemente do que consideram certo para si . Entretanto, nenhuma melhoria seria possível sem a realização de um amplo programa de conscientização. A veiculação de diversas propagandas do governo que alertavam sobre os perigos da direção sob qualquer estado de embriaguez foi importantíssima na percepção individual das mudanças necessárias. Isso fez com que cada pessoa passasse a saber os riscos que infligia a si e a todos à sua volta quando bebia e dirigia , amenizando a obrigatoriedade de haver um controle severo das forças policiais. É inegável a eficiência da Lei Seca em todas as suas propostas, formando uma geração mais consciente e protegendo os cidadãos brasileiros. Para torná-la ainda mais eficaz, uma ação válida seria o incremento da frota de transportes coletivos em todo o país, especialmente à noite , para que cada um consuma o que deseja e volte para casa em segurança. Além disso, durante um breve período, a fiscalização poderia ser fortalecida , buscando convencer motoristas que ainda tentam burlar o Estado. O panorama atual já é extremamente animador e as projeções, ainda melhores, porém apenas com a ação conjunta de povo e governo será alcançada a perfeição”.

 

Comentários

“O texto demonstra que o participante tem excelente domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa e de escolha de registro. Não há erros gramaticais ou de convenções da escrita, e a redação organiza-se em cinco parágrafos bem construídos e bem articulados entre si. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, com base em um repertório sociocultural produtivo, e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto. A tese desenvolvida é a de que o advento da Lei Seca proporcionou uma sensível redução dos acidentes com vítimas, além de o motorista estar mais consciente em relação ao perigo de dirigir alcoolizado. Isso ocorreu principalmente em virtude da rigidez da Lei e de sua ampla divulgação. Em defesa de seu ponto de vista, o texto apresenta informações relacionadas às consequências positivas da implantação da Lei Seca, de forma consistente e organizada, configurando autoria. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta, sem inadequações, repertório diversificado de recursos coesivos, tais como: “Essa redução” (1º parágrafo); “Dessa forma” (2º parágrafo); “Outro aspecto”, “Isso fez” (3º parágrafo); “Entretanto” (4º parágrafo); “Para torná-la”, “Além disso” (5º parágrafo). A redação apresenta encadeamento entre as ideias e demonstra competência em selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos e argumentos em defesa de um ponto de vista: o tema é desenvolvido de forma coerente, os argumentos selecionados são consistentes e a conclusão é relacionada ao ponto de vista adotado. Mesmo considerando os efeitos positivos da implantação da Lei Seca, o participante considera que é necessário torná-la mais eficaz por meio de excelente proposta de intervenção que respeita os direitos humanos: incremento dos transportes coletivos e maior fiscalização, em ação conjunta. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção é abrangente, bem elaborada e bem detalhada, além de ser relacionada ao tema e resultante da discussão desenvolvida no texto”.

Fonte: INEP

Comentários